Busca avançada                              |                                                        |                            linguagem PT EN                      |     cadastre-se  

Itaú

HOME >> ACERVO ONLINE >> NOTÍCIAS >> >Revista Valor Setorial

Revista analisa o impacto das redes sociais digitais na comunicação das organizações

09/12/2011

Organizações ainda não sabem como ampliar o alcance das novas mídias a seu favor. Uma via de mão dupla exige mais cuidado. Este é o início da matéria de Luiz Maciel na editoria “Redes Sociais” da revista Valor Setorial sobre Comunicação Corporativa, produzida em parceria da Aberje com o jornal Valor Econômico e lançada em novembro de 2011. A argumentação é que, num país que acabou de ultrapassar a marca de um celular por habitante e que é apontado, em todas as pesquisas, como a pátria dos usuários que mais tempo dedicam às mídias sociais, muitas empresas se vêem numa encruzilhada.

Vale a pena, em nome da produtividade e do risco de vazamento de informações estratégicas, proibir o uso das redes de relacionamento virtual no ambiente de trabalho? E como fazer isso sem parecer autoritário e antiquado, como no tempo em que se colocava cadeado nos telefones para evitar chamadas pessoais dos funcionários? Quem dá opinião a respeito é a consultora de Comunicação Corporativa e professora de Administração de Crises da FAAP, Else Lemos; o diretor de Marketing e Comunicação da IBM Brasil, Mauro Segura; a gerente de e-Marketing da Roche, Ronízia Moura; o diretor de Assuntos Corporativos e Relações Governamentais da Natura, Rodolfo Guttilla; e o diretor do Canal On-line da Telefonica, Rafles Pereira.

Na mesma editoria, Luiz Maciel também escreveu o texto “Estilingue para qualquer vidraça”, lembrando que, seja no Twitter ou no YouTube, notícias boas e más se multiplicam sem controle. O desafio é responder rapidamente. Ele entrevistou a respeito a consultora Else Lemos; o diretor de Novos Negócios da Whirlpool, William Custódio; o diretor de Comunicação da Nike, Mario Andrada e Silva; e o diretor de Comunicação da IBM, Mauro Segura.

Por fim, a matéria “Do morro para o asfalto”, de Genilson Cezar, traz o trabalho feito pelo Governo do Estado do Rio de Janeiro, junto com a agência FSB PR Digital, para implementação de ações de comunicação e relacionamento nas redes sociais durante o processo de retomada e ocupação da região conhecida como Complexo do Alemão na capital carioca em novembro de 2010. Foram entrevistados Risoletta Miranda, diretora-executiva da agência, e Ricardo Cota, subsecretário estadual de Comunicação Social.

Acesse a versão digital aqui. As versões anteriores podem ser consultadas no site da Aberje, seguindo este link.

3691

O primeiro portal da Comunicação Empresarial Brasileira - Desde 1996

Sobre a Aberje   |   Cursos   |   Eventos   |   Comitês   |   Prêmio   |   Associe-se    |   Diretoria   |    Fale conosco

Aberje - Associação Brasileira de Comunicação Empresarial ©1967 Todos os direitos reservados.
Rua Amália de Noronha, 151 - 6º andar - São Paulo/SP - (11) 5627-9090