Busca avançada                              |                                                        |                            linguagem PT EN                      |     cadastre-se  

Itaú

HOME >> ACERVO ON-LINE >> COLUNAS >> COLUNISTAS >> Suzel Figueiredo
COLUNAS


Suzel Figueiredo
suzel.figueiredo@ideafix.com.br

Presidente da Ideafix Pesquisas Corporativas, inteligência em mensuração e consultoria para resultados em Comunicação Corporativa.

Mestre em Ciências da Comunicação pela Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo.

Pós-graduada em pesquisa pela ESPM - Escola Superior de Propaganda e Marketing.

É professora no MBA e nos cursos de pesquisa da Aberje , no MBA de Comunicação Estratégica da Universidade Federal da Bahia e no MBA da Escola de Negócios Sustentare                              

Diretora do Databerje - Instituto Aberje de Pesquisa.

Conselheira da Associação Brasileira de Pesquisa de Mercado, Opinião e Mídia – ASBPM.

16 desafios para comunicadores em 2016

              Publicado em 23/02/2016

Tenho encontrado muitos profissionais um tanto chateados com os recentes acontecimentos na área de Comunicação das organizações. Redução de orçamento, corte de equipe, cancelamento de contratos com fornecedores, demissão de diretores e gerentes, até a terceirização completa da área. E, sinto dizer, ainda pode piorar.

Como se diz por aí: precaução e canja de galinha não fazem mal a ninguém. Penso que é recomendável uma mudança de comportamento dos comunicadores para se ajustar aos novos tempos. E tenho certeza que sairemos da crise mais fortalecidos para a nova demanda  do mercado: profissionais de resultado.

 Aqui você vai encontrar uma lista de desafios. Alguns novos e outros nem tanto. Se você tiver mais sugestões, é só compartilhar!

1. Fale a língua dos negócios – a comunicação não é um gueto: nas empresas, ela só existe para ajudar a viabilizar a estratégia. Entender sobre o negócio é fundamental.

2. Avalie os processos de comunicação – nem tudo o que você faz é legal, nem tudo funciona. Seja humilde para avaliar, aceite os resultados e aprimore.

3. Antecipe-se em relação à redução de custos – cortar custos, equipe, projetos, fornecedores, faz parte do jogo. Não fique pensando que o problema é com você.

4. Utilize melhor o tempo útil – evite reuniões desnecessárias e aproveite o momento para ser mais eficiente. Organize sua agenda e priorize seus compromissos. Agilidade é a palavra de ordem.

5. Levante da cadeira e vá a campo – a vida não acontece no escritório e as pessoas para quem você comunica não são parecidas com seus colegas de faculdade. Entenda quem é seu público alvo e seus hábitos.

6. Faça alianças com formadores de opinião -  todo comunicador precisa de aliados, no RH, no Jurídico, na Operação, no Marketing. Sem isso, a comunicação não rola.

7. Planeje com foco na estratégia da empresa – aprofunde-se nos problemas que a empresa está enfrentando e veja como a área de Comunicação pode contribuir.

8. Busque informações com pessoas de outras áreas – evite a sensação de ser o último a saber. Vá atrás das fontes.

9. Faça mais com menos – reduza o que puder e seja mais eficaz. Aceite desafios e não peça mais recursos.

10. Preste contas, mesmo sem ser solicitado – surpreenda sua liderança com dados. Cruze informações, ofereça dados comparativos. Proponha mudanças.

11. Circule e mostre a cara – participe de eventos, troque ideias com seus pares, aprenda com a experiência do outro. É mais barato do que o modelo  tentativa x erro.

12. Pesquise as novas demandas – o que você fazia até ontem pode não funcionar mais. Pesquise novos processos, novos modelos, novos canais.

13. Reduza as mensagens-chave - sem dinheiro, sem recursos humanos, como fazer Comunicação? Agora é a hora de entender o que significa a palavra foco.

14. Estude, leia, informe-se – crescer dói, demora, mas é possível com dedicação e estudos. Se achar que é o caso, procure um coach para ajudar na sua carreira.

15. Seja parceiro  – a Comunicação pode ajudar várias áreas da sua empresa. Todos estão juntos no mesmo barco. Esteja disponível para contribuir com seus colegas.

16. Prove o impacto da comunicação – esse é o pulo do gato. Prove como a Comunicação melhora produtividade, aumenta visibilidade, conquista clientes, ajuda a vender, reduz acidentes. Enfim, entenda qual o impacto desejado pela empresa e entregue.

Agora preciso confessar uma coisa: meu número de sorte é o 17! E aqui só cabiam 16 desafios para combinar com 2016 (olha só que original!). Mas se você ainda tiver um pouco de paciência, aqui vai uma dica que aprendi em mais de 30 anos de estrada:

17. Seja propositivo –  não espere seu chefe mandar você fazer, nem fique esperando os pedidos dos seus “clientes internos”. Junte sua formação, sua competência, sua intuição, sua criatividade e faça uma proposta. Imagine se dá certo!

Comigo deu. Se quiser saber sobre essa história, me escreva. Vai ser um prazer compartilhar!


Os artigos aqui apresentados não necessariamente refletem a opinião da Aberje e seu conteúdo é de exclusiva responsabilidade do autor. 2228

O primeiro portal da Comunicação Empresarial Brasileira - Desde 1996

Sobre a Aberje   |   Cursos   |   Eventos   |   Comitês   |   Prêmio   |   Associe-se    |   Diretoria   |    Fale conosco

Aberje - Associação Brasileira de Comunicação Empresarial ©1967 Todos os direitos reservados.
Rua Amália de Noronha, 151 - 6º andar - São Paulo/SP - (11) 5627-9090