Busca avançada                              |                                                        |                            linguagem PT EN                      |     cadastre-se  

Itaú

HOME >> ACERVO ON-LINE >> COLUNAS >> COLUNISTAS >> Elizeo Karkoski
COLUNAS


Elizeo Karkoski


Diretor de Novos Negócios da Agência P3K Comunicação, especializada em Comunicação Interna e Endomarketing. Sócio-fundador, atua como consultor estratégico de negócios e participa diretamente dos processos de diagnóstico. Formado pela Faculdade de Tecnologia do Estado de São Paulo e com MBA em Gestão Empresarial pela FGV, soma mais de 15 anos de experiência em projetos de comunicação. 

A necessidade de divulgar e o excesso de informação: como sair deste dilema?

              Publicado em 12/04/2016

Hoje, os profissionais de CI convivem com o excesso de informação proveniente da mídia e das redes sociais, que se soma às informações do ambiente corporativo, cada vez mais dinâmico e com uma necessidade crescente de interação com os empregados. Essa realidade traz um desafio diário para estes profissionais: o que divulgar, em quais canais e para qual público?

Nesse momento é preciso refletir sobre três tipos de informação:

- Informações de interesse corporativo, que precisam ser disseminadas aos empregados, tais como planejamento estratégico da empresa, debates sobre o acordo coletivo, metas e resultados, campanhas sobre Saúde, Meio ambiente e Segurança (SMS).

- Informações de interesse dos empregados, que surgem de demandas ou são características da cultura da força de trabalho, como informes sobre benefícios, notícias sobre eventos ou sobre colegas de trabalho, entre outras.

- Informações de relevância jornalística, que apresentam projetos da empresa, inovações tecnológicas, ações de responsabilidade social e ambiental, por exemplo.

Os três tipos de informação podem interessar a todos os empregados ou apenas a algum grupo específico. Por isso, é necessário que o profissional de CI escolha cuidadosamente quais canais de comunicação devem ser utilizados para cada público-alvo. Segmentar a informação pode facilitar (e muito!) o trabalho, convergindo para uma comunicação mais personalizada, one-to-one, conceito muito utilizado em marketing.

Outra estratégia que pode auxiliar na escolha e divulgação das informações é a criatividade. Usar de recursos visuais para transmitir um conteúdo faz toda diferença! Ferramentas como vídeos, infográficos ou ilustrações deixam a mensagem mais lúdica e atrativa. Mas tudo isso, claro, sem deixar de lado uma premissa básica: textos concisos, objetivos e claros facilitam o dia-a-dia do empregado. Num mundo repleto de informações, links, posts, likes, mídias e redes sociais, simplificar pode ser sinônimo de comunicar bem.


Os artigos aqui apresentados não necessariamente refletem a opinião da Aberje e seu conteúdo é de exclusiva responsabilidade do autor. 1100

O primeiro portal da Comunicação Empresarial Brasileira - Desde 1996

Sobre a Aberje   |   Cursos   |   Eventos   |   Comitês   |   Prêmio   |   Associe-se    |   Diretoria   |    Fale conosco

Aberje - Associação Brasileira de Comunicação Empresarial ©1967 Todos os direitos reservados.
Rua Amália de Noronha, 151 - 6º andar - São Paulo/SP - (11) 5627-9090